quarta-feira, 28 de janeiro de 2015

Lendas, mitos e imaginários

Arthur Rackham, Sangreal (1917)
-
“After all, I believe that legends and myths are largely made of 'truth', and indeed present aspects of it that can only be received in this mode; and long ago certain truths and modes of this kind were discovered and must always reappear.”
-
-
Desde há muitos anos que sou apaixonada pela Lenda do Rei Artur e pela demanda do Graal. Acho que li e vi quase tudo que alcancei sobre o tema - que ainda me fascina. Sou uma admiradora de Sir Galahad, que, entre os Cavaleiros da Távola Redonda, é o meu preferido - e é aquele que conseguiu chegar ao fim da demanda.

George Frederic Watts, Sir Galahad
-
Mas, nessa lenda, há outra personagem que me fascina: o Mago Merlin.

(link)
-
Que, na minha mente, se relaciona quase automaticamente aos meus outros dois feiticeiros preferidos, de histórias bem mais recentes: Gandalf e Dumbledore. 

John Howe, Gandalf
-
Elizabeth P, Dumbledore 
-
Contudo, hoje de manhã, pensava que esses três personagens têm no meu imaginário uma ligação quase directa a outros dois da minha infância e juventude, de que também gosto muito: o Maestro de Era uma Vez o Homem e o Druida Panoramix.

(link)
-
(link)

4 comentários:

ana disse...

Muito interessante. O tema também me fascina.
Beijinho. :))

Margarida Elias disse...

Beijinhos, Ana! :-))

Presépio no Canal disse...

A vida é mágica e o que fazemos com ela e por ela , sobretudo em momentos mais complicados, também é. Nós somos mágicos e temos forças que, por vezes, desconhecemos.
Beijinhos!

Margarida Elias disse...

Sandra - Tens razão. E ainda bem que assim é! Beijinhos!