terça-feira, 6 de outubro de 2015

Espelhos I

Utamaro Kitagawa, Beauty in front of Mirror (1750-1806)
-
«I find it odd, when sometimes you catch sight of yourself in the mirror and you say to yourself, "Don't I know that person?" And then you realise it's you. It'd be more confusing still if you could really see yourself and not a mirror image. Why? Because no-one ever sees themselves as they really are, or as they appear to others. Whenever one sees oneself in a glass, it is always as an image that is reversed. Why does that make a difference? People's faces aren't the same on both sides.»
-

6 comentários:

ana disse...

Tão bonita a pintura.
Beijinho. :))

Margarida Elias disse...

Também achei, Ana. Beijinhos!

Presépio no Canal disse...

Linda, mesmo! Transmite elegância e serenidade.
Beijinhos!!

Margarida Elias disse...

É verdade Sandra. Beijinhos!

Mister Vertigo disse...

Estive a ver os posts que dedicou a Agatha Christie e Hercule Poirot e gostei muito:)
Tanto eu como a Paula do "Ponto Aqui Ponto Acolá" somos fans de Monsieur Poirot e caso não conheça vale a pena ler o livro "Poirot and Me" do David Suchet, que é uma maravilhosa viagem em torno dos filmes interpretados por este genial actor inglês e um convite para conhecer através dele o universo de Agatha Christie.
Boa Tarde

Margarida Elias disse...

Mister Vertigo - Tenho de ler esse livro! Obrigada e boa tarde!