quinta-feira, 6 de outubro de 2016

Caminhos

Manuel Henrique Pinto, Quelhão (ou Caminho Velho) (1897)
-
«Caminho que não é caminho
Não vale a pena trilhar
Porque mais nos extravia
quando mais longe nos leva
 
Tolo é o que olha para trás...
Enquanto houver caminho para a frente
É preciso andar e andar.»
-
Manuel Machado,
in Luis Señor González, Dicionário de Citações e Provérbios, Lisboa, Correio da Manhã, 2004, p. 92.
-
Felix Vallotton, Les Alyscamps (1920)
-
Hans Vandekerckhove, Little red riding hoods (2006)
-
Na realidade, por vezes temos de abrir caminhos novos, tanto no sentido literal (alguém teve de o fazer, certamente), como na analogia com a história pessoal ou humana. Já dizia Walt Disney:

(link

3 comentários:

Presépio no Canal disse...

Subscrevo as palavras do poeta.
Beijinhos! :-)

Paula Lima disse...

Digo muitas vezes "toca a andar para a frente que atrás vem gente...". Desbravar caminhos é uma forma de aprender!
Imagens magíficas e com caminhos apetecíveis a percorrer.
Bom resto de semana!

Margarida Elias disse...

Sandra - São belas palavras! :-) Beijinhos!

Paula - É verdade, também digo o mesmo - ficar parado a olhar o caminho feito é por vezes necessário, mas temos de andar em frente :-) Boa noite!