terça-feira, 20 de junho de 2017

Da condenação

Vasco Araújo, Debret (2013)
-
«Pelo que fizeram, se hão-de condenar muitos, pelo que não fizeram, todos.»
-
-
Vem este post a muitos propósitos. Outro dia, ouvi esta frase do Padre António Vieira a propósito deste conjunto de trabalhos de Vasco Araújo - já que as várias mesas que compõem este trabalho têm frases do Padre António Vieira e uma delas tem precisamente esta frase. 
A frase é interessante a muitos níveis, não só relativamente ao tema destas mesas. Também se aplica à actualidade, em diversos aspectos. 
E eu, envergonhadamente, também me incluo nela, pela minha inércia no meio destas desgraças todas - e porque acho que lamentar as vítimas, ou fazer comentários sobre o sucedido, é muito fraca ajuda. Embora, ainda assim, tudo seja melhor do que ignorar.

Sem comentários: