sexta-feira, 4 de agosto de 2017

De um passeio a Conímbriga

Há cerca de 20 anos que já lá não ia e gostei bastante. Desejava voltar outra vez, mas com alguém sabedor do assunto, porque é pouca a informação disponível nas legendas - e já estudei estes temas há muito tempo.
-
Mosaico encontrado em 1899, que foi deslocado (assim como os dois que se encontram no Museu). Este era talvez da chamada Casa de Cantaber.
-
Casa da Cruz Suástica e Casa dos Esqueletos (séc. I-III) - não assinalei bem, mas julgo que estes mosaicos são da segunda:

-
Casa dos Repuxos (séc. I-II) - gostei muito de a rever, nomeadamente por verificar que ainda há vestígios de pinturas murais, para além da magnificência dos mosaicos:


-
Casa de Cantaber

-
No Museu:
  
 



Possível fragmento da Basílica Cristã do período hispano-visigótico.

4 comentários:

Paula Lima disse...

Eis um sítio em que vale a pena passear. Tenho pena que os acessos sejam difíceis sem carro. Mas vale mesmo a pena admirar o que foi tão bem feito há tantos séculos atrás!
Bom fim semana

Margarida Elias disse...

Paula Lima - Gostei muito. Bom Sábado!

Isabel disse...

Já lá não vou há uns anos e todas as visitas que fiz (não sei quantas) foram com alunos, em visitas de estudo.

Gostei das fotos:)

Margarida Elias disse...

Isabel - Gostei muito de lá voltar, mas a melhor visita que fiz foi com o meu professor de História da Arte da Antiguidade (Dr. Justino Maciel). Boa tarde! :-)