terça-feira, 24 de janeiro de 2017

Da arte - e para a Ana


Heinrich Kuhn, Lady before a mirror (1904)*
-
«Toute société tend à visualiser d'une manière affective et en même temps active ses jugements de valeur sur le monde qui l'entoure.»
-
Pierre Francastel, La Réalité Figurative, p. 222.
-
* A fotografia escolhida foi a pensar na Ana, que faz anos hoje e, pelo que sei, gosta de espelhos na arte. Muitos beijinhos e votos de muitas felicidades!

segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

Amadeo

Amadeo de Souza-Cardoso, Vida dos Instrumentos (1916, © MNAC)
-
«Vermelho vermeeeeelho, amaaaaarelo, todos os tons do amarelo; verde, intensamente verde, as cores da rapidez, da alegria, concebidas no tempo e não no espaço, as cores do carnaval mais extravagante e estridente.»
-
Excerto de Manifesto da Pintura dos sons, ruídos e odores, de Carlo Carrà, citado por Maria Arade no jornal A Luta.

sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

Passeios II

“One’s destination is never a place, but always a new way of seeing things.”
-







quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

Viajar no tempo

Fernando Taborda, Estrada da vida (1954)
-
«Perhaps, young Liam... perhaps history too is round, in a sort of way.
(…) Round… such like a cart’s wheel. Perhaps ye were always meant to come back (…).»
-
Alex Scarrow, Time Riders, The Doomsday Code, Puffin, 2011, p. 230.

quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

Passado vs. Futuro

Pintura de Robert Ryman, Twin (1965) e fotografia do Progetto Didatticarte
-
«A world of endless possibilities and infinite outcomes. Countless choices define our fate: each choice, each moment, a moment in the ripple of time. Enough ripple, and you change the tide... for the future is never truly set.»
-
X-Men: Days of Future Past.

terça-feira, 17 de janeiro de 2017

Da TV


Padre Leonard Finch na série Grantchester
-
Kant once wrote, "By a lie, a man annihilates his dignity "as a man.
" Our good friend, lmmanuel, wasn't one to mince his words.
He saw things in black and white.
He didn't dwell on the grey areas, but who amongst us can honestly say that we haven't lied for good reason? Who amongst us can say we live a truly good life? And that's not to say we shouldn't try.
We should all continually try to be the best we can be.
To escape the sins of our past.
To be accepting of our little foibles and of others.
We can't run away from who we are.
We must turn and face the truth head on.
Sometimes in life, it's better just to get on with things.
-
Grantchester (2014)

segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

Da mudança

Edvard Munch, Aunt Karen in the Rocking Chair (1883, Munch Museum, Oslo)
-
«Tudo está em constante mudança, desde a volatilidade das partículas subatómicas até cada célula no nosso sistema nervoso. Até a nossa consciência (...) é actualizada de cinco a oito vezes por segundo. Os pensamentos vão e vêm, tal como a nossa respiração, eles vêm, dispersam-se e desaparecem.
Para sobreviver, o seu cérebro ilude-o, fazendo-o acreditar que existem padrões fixos neste mundo caótico e que você pode criar planos permanentes. (...)
Quando você era criança, esses neurónios estavam a disparar a cada segundo; tudo era novidade e entusiasmo, você dizia coisas como, «Quero ser bombeiro ou astronauta», sem saber absolutamente nada sobre as coisas a considerar ou quais as qualificações necessárias. (Eu queria ser uma sereia.) Tudo era possível (...). Tudo era novo nessa altura, cheio de cores e você estava a transbordar de entusiasmo. Quando crescemos, um idiota qualquer diz-nos que não podemos ser uma sereia, seja lá porque razão for, ou que não podemos voar como o Super-Homem. À medida que vamos crescendo, o nosso mundo torna-se cada vez mais pequeno, porque acreditamos que não temos opções até que morremos presos na rotina.
(...) Improvise a sua vida, produza uns neurónios novos. É assim que tudo se torna interessante outra vez e você pode vir a ser uma sereia.
Se permitir que os seus pensamentos o comandem e acreditar que a sua realidade é a mesma que a de toda a gente, vai tornar-se duro, preconceituoso, intolerante e ressabiado. A visão que tem de si e do mundo torna-se cada vez mais estreita (...). Aperceba-se que estamos numa viagem contínua e de que tudo muda constantemente, até você. (...)»
-
Ruby Wax, Admirável mundo são. Discipline a sua mente, Marcador, 2016, pp. 234-235.

sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

Passeios I

Por (antiga) sugestão da Sandra, fui finalmente a Alcochete, e aqui ficam os registos.
Um senhor vendia estes moinhos, a que achei muita graça.



 
 
  

 
De uma competição com a minha filha sobre quem tirava melhores fotografias ao pôr-do-sol. A primeira é minha, a segunda é dela. Gosto das duas.

quinta-feira, 12 de janeiro de 2017

Da importância da História

Manfred Kielnhofer, Guardians of Time
-
« -Dia da Unidade... é um bom nome para o efeito, Paul.
- Sim... na verdade é. Vamos chamar-lhe assim, então. Ao mesmo tempo que procedemos a essa celebração, daremos início a uma purga sistémica de todos os livros, documentos e relíquias relativos à História. Tem de ir tudo. Tem de ser tudo queimado. / (...) Nós agora controlamos a história Karl... tu e eu... é barro nas nossas mãos, para ser moldada exatamente conforme quisermos. (...)»
-
Alex Scarrow, Time Riders, Os Guardiões da História, Civilização, 2011, p. 244.

quarta-feira, 11 de janeiro de 2017

Frases de filmes I


Giotto, Speranza
-
«Just because someone stumbles and loses their way, it doesn't mean they're lost forever. Sometimes, we all need a little help.»
-
X-Men: Days of Future Past (2014)

terça-feira, 10 de janeiro de 2017

Para o meu marido que faz hoje 44 anos

1973

Robert Mangold, Circle In and Out of a Polygon 2 (1973, Solomon R. Guggenheim Museum, New York City)
-
“But at least we have answered one ancient question. We are not alone. The stars will never again be the same to us.”
Arthur C. Clarke, Rendezvous with Rama.

segunda-feira, 9 de janeiro de 2017

A Curiosidade

Louis-Charles Verwée, Curiosity
-
«É ela que nos torna superiores. Infelizmente, muitas pessoas não a usam (...). Nascemos com esta característica; é por isso que quando somos crianças, a nossa fome de informação é insaciável (...). É assim que o nosso cérebro cresce, e com mais e mais neurónios a conectarem-se, nos tornamos mais espertos.»
-
Ruby Wax, Admirável Mundo São - Discipline a sua Mente, Marcador, 2016, p. 232.

sexta-feira, 6 de janeiro de 2017

Canções para a época V... E Feliz Dia de Reis!

-
-
Antes de desmanchar as decorações de Natal (o que farei amanhã) e para fechar a quadra festiva (e iniciar um novo ano), deixo aqui os meus desejos para os Reis e votos para o ano de 2017, que vão por ordem alfabética (porque sim):
 
Amizade
Bondade
Coragem
Dinheiro (porque faz falta)
Energia
Força
Genialidade
Humor (bom)
Imaginação
Justiça
Liberdade
Magia
Novidades (boas)
Optimismo
Paz
Querer (bem)
Resiliência
Saúde
Temperança
União
Vitórias
Xícaras de chá :-)?
Zelo
-
 

quinta-feira, 5 de janeiro de 2017

Canções para a época IV

Nicholas Roerich, Star of Mother of the World (1924, Roerich Museum, Moscovo)
-
“When the power of love overcomes the love of power, the world will know peace.”
-

terça-feira, 3 de janeiro de 2017

segunda-feira, 2 de janeiro de 2017

Canções para a época I

-
“I wonder if the snow loves the trees and fields, that it kisses them so gently? And then it covers them up snug, you know, with a white quilt; and perhaps it says, "Go to sleep, darlings, till the summer comes again.”
-

-
* A citação já andou por aqui: http://memoriasimagens.blogspot.pt/2014/12/neve.html

sábado, 31 de dezembro de 2016

Com votos de Bom Ano Novo!

(Link)
-
“Learn from yesterday, live for today, hope for tomorrow.”
-
-

sexta-feira, 30 de dezembro de 2016

No Dia da Sagrada Família

Machado de Castro (atribuído), Virgem, Menino Jesus e São José (c. 1770-1780, Museu de Aveiro)
-
In the bleak midwinter, frosty wind made moan,
earth stood hard as iron, water like a stone;
snow had fallen, snow on snow, snow on snow,
in the bleak midwinter, long ago.

 Our God, heaven cannot hold him, nor earth sustain;
heaven and earth shall flee away when he comes to reign.
In the bleak midwinter a stable place sufficed
the Lord God Almighty, Jesus Christ. 

 Angels and archangels may have gathered there,
cherubim and seraphim thronged the air;
but his mother only, in her maiden bliss,
worshiped the beloved with a kiss. 

What can I give him, poor as I am?
If I were a shepherd, I would bring a lamb;
if I were a Wise Man, I would do my part;
yet what I can I give him: give my heart.
-
-

quinta-feira, 29 de dezembro de 2016

Dos pastores

Giorgione, The Adoration of the Shepherds (1500-1510, National Gallery of Art, Washington)
-

quarta-feira, 28 de dezembro de 2016

Ainda o Presépio

Giotto, Instituição do Presépio em Greccio (Igreja de São Francisco, Assis)
-
«Parece que o mais antigo presépio que se conhece data do ano de 380 e foi descoberto nas Catacumbas de São Sebastião, em Roma. Aparece o Menino Jesus deitado numa espécie de mesa, estando o burrinho e a vaquinha do estábulo junto dele.
Mas foi precisamente no dia 24 de dezembro de 1229 que, pela primeira vez, também em Itália, na aldeia de Greccio, São Francisco de Assis se lembrou de dizer a Missa num ambiente muito especial!
Mandou colocar um altar em cima de uma manjedoura cheia de feno verdadeiro, e de cada lado deste altar mandou que ficassem um burrinho e uma vaquinha também verdadeiros. Depois começou a dizer a Missa.
Ao chegar ao momento da Consagração, todos viram que de repente apareceu uma criança a dormir sobre a manjedoura que estava por baixo do altar. S. Francisco de Assis então aproximou-se e acordou o Menino, que era Jesus...»
-
Maria Alberta Menéres, O Livro do Natal.

terça-feira, 27 de dezembro de 2016

Dia de São João Evangelista

Hieronymus Bosch, Saint John The Evangelist On Patmos (1485)
-
Andrea Della Robbia, São João Evangelista (1510, Museu Nacional de Arte Antiga)
-
Guido Reni, São João (1621, Bob Jones University (BJU), Greenville, SC, US)
-
São João Evangelista (Séc. XVIII, Museu de Aveiro)

segunda-feira, 26 de dezembro de 2016

Ainda o Natal

Eastman Johnson, Christmas Time (also known as The Blodgett Family) (1864)
 - 

sexta-feira, 23 de dezembro de 2016

quinta-feira, 22 de dezembro de 2016

Presépios

... de uma exposição que vi em Fevereiro deste ano, da Colecção de Canha da Silva, no Convento de São Francisco, em Évora.
-